Notícias

Mercado da Beleza apresenta alta de 9,8% ao ano

31-03-2015

Cada vez mais preocupados com a beleza, os brasileiros movimentam por ano R$38,01 bilhões. Um crescimento de 436,3% comparado ao que estes gastavam em 1996: pouco mais de R$4 bilhões.

Estes dados colocam o Brasil em terceiro lugar no ranking dos maiores mercados de produtos de beleza do mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos e da China segundo dados da Associação Brasileira da Indústria Brasileira de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec). O aumento médio ao ano no país é de 9,8%.

Acompanhando os altos índices, crescem também o uso de novas tecnologias no desenvolvimento de produtos nacionais a fim de satisfazer um consumidor cada vez mais exigente.

Para apresentar estas novidades ao mercado, a Hair Brasil 2015 – 14º Feira Internacional de Beleza, Cabelos e Estética, leva ao Expo Norte em São Paulo, de 28 a 31 de março, 950 expositores com lançamentos em produtos para cabelos, maquiagem, estética e manicure.

Entre as novidades do evento estão produtos que utilizam a Nanotecnologia para combater a celulite. Quem leva o novo tratamento à feira – dentro do espaço Cabeleza – é a Maquel, que recentemente entrou para o mercado de varejo com a linha Cellu Force, a qual possui a assinatura de Sabrina Sato. A apresentadora tornou-se a embaixadora da marca no Brasil e lança em abril a primeira campanha publicitária da empresa para sua linha Home Care.

“Um dos ativos destaque na Linha Cellu Force que conta com Nanotecnologia é a Nano-framboesa que tem capacidade de reduzir a reserva de gordura, ao mesmo tempo ativando sua queima, ou seja, duas ações somadas resultando na redução de medidas e na melhora do contorno corporal”, explica Lilian Oenning, Diretora da Maquel.

Cresce número de novas indústrias no país

No ano de 2004, o Brasil registrava 1.427 indústrias dos ramos de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos, enquanto que em 2014 este número passou para 2.518. A alta foi de 76,5% no período.

De acordo com a pesquisa da Abihpec, a região Sudeste registrou aumento de 60%, passando de 671 em 2004 para 1052 indústrias em 2014.

A região Sul acompanhou a média nacional e registrou alta de 75,4% nos últimos 10 anos. Santa Catarina foi o estado com maior índice, com 118,2%. Logo atrás ficou o Rio Grande do Sul com 117,6%, seguido do Paraná com 39,5%. De 2012 a 2014, o Estado ganhou 12 novas indústrias.

SERVIÇO
Data: 28 a 31 de Março
Horário: Das 10 às 20 horas.
Local: Expo Center Norte em São Paulo.
Inscrições no site: www.hairbrasil.com

Sindibeleza © 2018 | desenvolvido por genericapontocom